25 de junho de 2019

Perdi meu emprego. E agora?

perdi meu emprego Perdi meu emprego. E agora?

Atualmente, devido à crise financeira e econômica no país, é muito comum que algumas empresas enxuguem seu quadro de funcionários e realizem várias demissões. Se você é uma dessas pessoas que acaba de perguntar “perdi meu emprego. E agora?”, mostraremos algumas dicas sobre como lidar com essa situação. Como economizar? O que fazer para voltar ao mercado de trabalho? Confira as respostas para essas e outras perguntas:

Analise sua situação financeira

O primeiro passo para quem perdeu o emprego é saber exatamente qual o estado de suas finanças. Por mais que você tenha um “colchão financeiro” com o qual contar, nem sempre esse valor é suficiente para garantir tranquilidade nas contas em momentos de desemprego. Principalmente porque você ainda não sabe quanto tempo ficará nessa situação, até ser contratado novamente. Por essa razão, é importante analisar bem seus gastos mais essenciais, suas economias e fazer uma estimativa de quanto tempo você poderá contar com esse dinheiro.

Quais são suas perspectivas de conseguir um novo emprego?

A crise pode ter atingido sua empresa, mas não necessariamente todo o mercado. A depender de sua área de atuação, é possível ser reinserido no mercado de trabalho em empresas concorrentes, por exemplo. O mais importante nesse momento é verificar a abertura de vagas para seu perfil profissional e saber se será possível voltar a trabalhar em breve.

Aprenda a economizar nesse período

Enquanto você não é contratado novamente, que tal economizar ao máximo, para fazer render suas economias? Existem várias formas de fazer isso, a começar pelas despesas de casa. Evite ao máximo gastos com supérfluos nas compras do supermercado e dê preferência a produtos mais básicos (higiene, limpeza da casa, alimentação).

Diminua drasticamente as saídas e gastos com lazer. Se você está desempregado não é exatamente a hora de ir à balada gastar dinheiro com os amigos, não é mesmo? E lembre-se de que esses cortes são momentâneos, até que você consiga nova fonte de renda!

Confira aqui outras mudanças de hábito que podem te ajudar a economizar.

Procure fontes de renda extra

Você tem habilidades na cozinha? Há pessoas que te procuram para fazer trabalho freela? Você tem experiência dando aulas particulares? Essas são apenas algumas sugestões sobre como fazer uma renda extra nesse período de desemprego. Aproveite suas habilidades e coloque a criatividade para funcionar. Assim, você garante um pouco de renda extra até voltar a trabalhar normalmente.

O que fazer para voltar ao mercado de trabalho?

Imprescindível mesmo é que você volte ao mercado de trabalho o mais rápido possível. Isso pode ser feito por meio de algumas medidas estratégicas, como a elaboração de um currículo atualizado, de seu cadastro em sites e em bancos de emprego e do estabelecimento de contatos com profissionais de sua área que talvez possam te indicar para uma vaga. Além disso, você deve se preparar para realizar entrevistas e participar de processos seletivos. Sua postura deve ser de comprometimento em relação à cultura da empresa, além de interesse pela vaga. Veja aqui outras dicas fundamentais para você se sair bem em uma entrevista de emprego.

Para você que perdeu seu emprego e não sabe como agir, siga nossas recomendações e aprenda a lidar com essa situação! Aproveite também para compartilhar aqui nos comentários como tem sido sua experiência e como você tem superado esse desafio!

Artigos Relacionados:

Efetividade Finanças Pessoais

Outros textos de Efetividade Finanças Pessoais

Adicionar comentário