13 de dezembro de 2018

5 dicas simples para economizar dinheiro e terminar o ano fora do vermelho

5 dicas simples para economizar dinheiro e terminar o ano fora do vermelho 201712291613081.jpg1 e1521572240679 5 dicas simples para economizar dinheiro e terminar o ano fora do vermelho

Será que ainda dá tempo de reverter essa situação para terminar o ano sem dívidas ? Com certeza, sim! Basta manter o foco e a disciplina e, é claro, conferir as dicas que nós preparamos!

1. Utilize o 13º com sabedoria

Nessa época, quem trabalha com registro em carteira recebe o 13º salário e, dependendo da empresa, mais alguns bônus e gratificações. A tentação de gastar esse dinheiro viajando ou se presenteando é grande, mas a orientação dos especialistas é clara: a prioridade deve ser regularizar a sua situação financeira.

Se estiver com dívidas, aproveite esse dinheiro extra para quitá-las. Pode até parecer uma ideia frustrante, mas começar o ano sem pendências é o melhor presente que você pode dar a si mesmo!

2. Coloque no papel

No fim de ano é comum ter mais gastos. Afinal, celebrar o Natal e o Ano Novo com a família é imprescindível e isso tem custos. É nessa hora que o gerenciador financeiro entra em cena para contribuir com a economia doméstica. Adotando um sistema próprio para isso você consegue lançar quanto terá de receita nessa virada de ano, quanto irá gastar para quitar as dívidas, quanto deverá guardar para as despesas e quanto vai sobrar para as comemorações e presentes.

Esse controle é essencial para não começar o ano com as dívidas do ano anterior e mais as que virão. Lembre: estar com as pessoas que você ama é sempre mais importante do que fazer uma grande festa. Vale, inclusive, conversar com a família toda sobre a importância de colocar o pé no freio agora para continuar o ano bem.

3. Planeje os presentes de Natal

Faça uma lista de quem você irá presentear e escolha itens que caibam no seu orçamento. De preferência, pague tudo a vista, para não começar o outro ano levando essa dívida com você. Aproveite as promoções que as lojas costumam fazer nessa época e sempre pesquise antes de comprar.

4. É possível viajar? É sim!

Para fazer uma viagem longa e de custo mais elevado sem “colocar o pé na lama” o ideal é começar a planejar logo no início do ano, para que o passeio esteja totalmente pago quando você retornar. Se esse ano a ideia passou batida, vale a dica para o ano que vem. Para quem não abre mão de viajar, vale a pena pensar em destinos próximos. Passar um dia na praia ou no campo já pode ser suficiente para recarregar as baterias.

5. Deixe o cartão de crédito em casa quando sair

No fim do ano, o apelo das lojas torna-se ainda mais intenso. Por isso, quando for sair para passear com a família, deixe o cartão de crédito em casa, para não cair na tentação de voltar cheio de compras e com mais algumas parcelas a pagar.

Acesse www.meudinheiroweb.com.br e conheça um bom software de gestão financeira.

Artigos Relacionados:

Efetividade Finanças Pessoais

Outros textos de Efetividade Finanças Pessoais

Adicionar comentário